quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Polícia Militar prende acusados de "arrastão" em Parnaíba


Acusados, Lucas Oliveira e Jonas Lima/ Imagem: Tacyane Machado
A Polícia Militar do Piauí (PM-PI), através de um trabalho de parceria entre o Serviço Reservado, Ronda Cidadão, Força Tática, 2º Batalhão de Polícia e Pelotão de Policiamento de Trânsito (PPTran), prenderam na manhã desta quinta-feira (31), dois homens, acusados de vários roubos na cidade de Parnaíba.

Ambos foram capturados no Bairro Planalto, entre as Ruas Tremembés e Planalto Mão Santa. Os acusados são Lucas Oliveira dos Santos Rodrigues, 20 anos, natural de Brasília-DF e Jonas Lima de Souza, 20 anos, natural de Parnaíba-PI.

Com os acusados foram encontradas quatro trouxinhas de maconha e duas motocicletas, uma Honda Fan vermelha, placa OEI 7898, Parnaíba-PI e uma Yamaha preta, sem placa. A moto preta foi um dos veículos tomados de assalto nas proximidades do M Shows na última terça-feira (29/01).

De acordo com o comandante do 2º Batalhão da Policia Militar de Parnaíba, Tenente Coronel Sousa, os resultados da operação tratam-se de um trabalho integrado que teve início na cidade entre o batalhão e o Ronda Cidadão. “O serviço reservado da PM tem realizado esse trabalho aqui em Parnaíba em parceria constante com o Capitão Palhano juntamente com os integrantes do Ronda Cidadão”, disse.

Segundo ele, os dois homens presos pela PM são acusados de delitos na cidade e todos estes são alvos de investigação por parte da equipe da polícia e ao serem confirmados, estes serão entregues para a polícia judiciária e consequentemente para a justiça para que elas possam dar continuidade aos procedimentos necessários para colocá-los distantes do convívio social.
O comandante do Ronda Cidadão em Parnaíba, Capitão Danilo Palhano, disse que o trabalho de parceria vem sendo feito há um bom tempo, porém intensificado nos últimos dias com o auxílio constante do serviço reservado. “Com o apoio do tenente coronel Souza, o trabalho tem sido melhorado. Este é um trabalho de longo prazo”.

Capitão Palhano revelou que há o reconhecimento por uma das vítimas que teve a moto tomada na última terça-feira na Avenida São Sebastião. “Os acusados nos informaram como foi feito o assalto e a equipe do reservado continua trabalhando para descobrir outros delitos”.

De acordo com o comandante do Ronda Cidadão é importante que outras vítimas que venham a reconhecê-los, devem procurar a polícia judiciária, porque se assim não for, dificulta o trabalho da polícia militar na busca dos acusados.
 fonte:
Tacyane Machado para o Proparnaiba.com
Fotos: Tacyane Machado

Nenhum comentário :