terça-feira, 30 de junho de 2015

Quadrilha junina Luar do Sertão de Esperantina vive noite de terror em Luzilândia


Em sua terceira apresentação no Estado do Piauí, na Temporada Junina 2015 o grupo junino LUAR DO SERTÃO de Esperantina foi duramente hostilizado na noite deste domingo, 28 de junho, em Luzilândia. O que deveria ser uma noite de festa e de cultura, transformou-se em um pesadelo para os jovens quadrilheiros.




As alterações começaram logo no início da jornada, quando ainda no percurso. Viajando em um ônibus e em um carro de apoio, o comboio foi apedrejado quando passava pela altura do Povoado Capim Grosso, alguns quilômetros antes do município de Luzilândia. As pedras atingiram os vidros e a lateral do ônibus que transportava os integrantes da quadrilha.

“Foram momentos de intenso terror. Pensávamos que se tratava de assalto. O motorista acelerou. Nunca havia vivido isso antes”, narrou o presidente do Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente, Pacilio Silva, presente no veículo.

Já em Luzilândia, a Luar do Sertão continuou sofrendo hostilizações e prejuízos. Durante a concentração tradicional do grupo, quando eles oram e pedem bençãos aos céus para que façam uma boa apresentação, vários artigos cênicos foram roubados, entre eles as bacias, facas de madeira utilizadas no xaxado e enxadas que compõem o figurino. Ainda assim, o grupo apresentou-se com alegria e renovada paixão, sendo aplaudido de pé pelo público.

Ao final da apresentação, quando retornaram aos veículos, uma nova surpresa. Com mais de uma centena de veículos estacionados no entorno do evento, apenas o carro de apoio da Luar do Sertão, de propriedade da empresária Ivone Araújo.

Foi barbaramente atacado, em um recado explícito de uma perseguição sem precedentes na história cultural junina da região. A saveiro ficou avariada em sua lataria (riscada em sua lateral e com uma das portas amassadas) e um pneu foi cortado e inutilizado, causando grandes prejuízos a quem já luta com dificuldades enormes como eles.

O resultado final do festival? A Luar do Sertão, aplaudida de pé pelo público presente, sequer apareceu na relação dos melhores da noite. No mínimo, ESQUISITO.

“Vamos continuar firmes e com a cabeça erguida. Vamos esquecer esta noite de horrores, pois nosso público espera de nós a alegria e a paixão que a todos envolve. Nosso amor à Cultura é maior que tudo isto, e não será esta noite que irá apagar o brilho do que conquistamos em meses de ensaio duro e de entrega singular. A Luar do Sertão é maior do que a pequenez do espírito daqueles que promoveram o terror deste domingo”, afirmou o presidente do CTDCA, Pacílio Silva.

Muito triste tudo isso. Lamentável e ABSOLUTAMENTE desnecessário.
Com informações de EsperantinaNews

Nenhum comentário :