sexta-feira, 23 de junho de 2017

População sofre com a falta de medicamentos nos postos de saúde de Parnaíba

PREFEITURA E ESTADO DESPREZAM PARNAIBA NA SAUDE

Após inúmeras denúncias recebidas sobre o caos na saúde pública do município de Parnaíba, principalmente sobre a falta de estrutura nos postos de saúde, o Blog Extra Parnaíba, prezando pelo compromisso com os leitores, visitou algumas Unidades Básicas de Saúde de Parnaíba, com o objetivo de apresentar a comunidade uma satisfação sobre o verdadeiro papel da imprensa, que é de informar a realidade. Nesse caso, mostrar as deficiências de um dos setores mais importantes.

UBS ENFERMEIRA SAMARITANA MARIA DOS SANTOS MONTEIRO


A primeira Unidade Básica de Saúde visitada fica localizada na Rua Itaúna, Bairro Piauí. Trata-se da UBS Enfermeira Samaritana Maria dos Santos Monteiro. Logo na chegada, um casal deixava a unidade de saúde revoltados pela falta de vacina para o filho. “Toda vez inventam uma história diferente e mandam a gente voltar noutro horário”.

Outra senhora chegou com a filha de apenas quatro meses de vida. Ela relatou ao Extra Parnaíba, que, teria buscado a vacinação no dia anterior, pediram que ela retornasse no dia seguinte, mas a resposta dada pela equipe é que só será disponibilizada a vacina na UBS na próxima segunda-feira. “Minha filha precisa da vacina de três meses, mas já fez quatro e ainda não consegui a dose nesse posto de saúde. Depois de ter vindo muitas vezes, pediram pra eu voltar segunda-feira”.

No interior da Unidade Básica de Saúde, foi solicitada a permissão para ir á sala onde devem ser guardados os medicamentos que deveriam ser disponibilizados para a população, mas no armário, recipientes vazios. Os mais simples e procurados remédios, como para hipertensos e diabéticos estão em falta.

Na mesma Unidade Básica de Saúde, não é disponibilizada água para os funcionários. O único bebedouro está “interditado”. Se servidores ou pacientes precisarem de água para o consumo, precisam comprar ou levar de casa.

ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA – KM 17


Logo na entrada, um lembrete:


Nessa unidade, não possui água para o consumo nem de funcionários e tampouco para pacientes. Em alguns momentos, para o uso dos profissionais do posto, foi necessário a recorrer a um poço que fica localizado nas proximidades para que pacientes não ficassem com o atendimento prejudicado. Além disso, também foi constatada a escassez nos medicamentos. A UBS do Km 17 fica localizada na Baixa da Carnaúba e atende várias comunidades da zona rural de Parnaíba.

ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA – SABIAZAL


No local, que só funciona no turno da manhã, também está faltando medicamentos. Moradores que residem nas proximidades da UBS, disseram que, há uma grande dificuldade para a população, pois há muitas pessoas que vão buscar remédios principalmente para hipertensos, mas não existe estoque.

UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE IRACEMA FEITOSA DE BRITO FERNANDES


A UBS Iracema Feitosa de Brito Fernandes é uma das unidades em que mais há reclamações, principalmente pela falta de medicamentos. Entre as maiores necessidades, estão os remédios para hipertensos e diabéticos, queixas de pacientes de outros postos da cidade. Outra reclamação é que o atendimento médico não é diário e isso prejudica a população que precisa de prestação de serviços de atenção básica de forma regular.

No local, também como em outras unidades, os funcionários precisam levar água de casa para o consumo durante o trabalho. Quanto aos pacientes, ou comprar em vendas próximas ou levam de casa.

Um dos pacientes desta Unidade relatou que tem diabetes, mas será necessário tirar do próprio bolso e recorrer às farmácias para não ficar sem o remédio e interromper o tratamento.

Quanto à saúde pública município, é impossível não encontrar um popular que já tenha sofrido com a falta de medicamentos ou, pelo menos, tenha um parente que passou por tal situação. Neste ano, já foram constatadas faltas de medicamentos em várias UBSs de Parnaíba através de denúncias da própria população, que acumula decepções porque, em muitas ocasiões, é duro ouvir a atendente dizer o medicamento que necessita não está disponível.

ATENÇÃO, MINISTÉRIO PÚBLICO!
FONTE ; EXTRA PARNAIBA
Por Tacyane Machado

Um comentário :

o reformador disse...

engraçado o mesmo acontecia no governo passado non ??