quinta-feira, 26 de abril de 2018

Operação da PF combate pornografia infantil compartilhada na internet


A Polícia Federal em Parnaíba deflagrou na manhã desta quinta-feira (26) a Operação UNDERGROUND 2, dando continuidade às investigações que apuram crimes de pornografia  infantil. Nesta segunda fase, desenvolvida após a prisão de 21 pessoas em 2017, novas investigações na DEPWEB foram realizadas, resultando na identificação de um grande grupo de produtores de material de exploração sexual.





Os alvos da operação, que ocorreu nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Goiás, Pernambuco, Maranhão e Acre, o grupo compartilhava o material de pornografia infantil pela internet.
Policiais Federais de Parnaíba cumpriram um mandado de prisão no município de Água Doce no estado do Maranhão, lá o investigador Francisco Cesar da Silva Santos já tinha mandado de prisão contra ele por participação no grupo que compartilhava o material na internet.
Foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão e 10 de prisão preventiva, Francisco Cesar foi conduzido para sede da Policia Federal em Parnaíba e em seguida levado para o IML para fazer exame de corpo de delito e seguiu para a Penitenciária Mista onde deve começar a cumprir a pena por exploração sexual.
O crime de publicações de imagens de pornografia infantil prevê pena de 3 a 6 anos de reclusão.  

Nenhum comentário :