terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Heda deixa de atender criancinha em estado crítico de saúde.


O hospital é controlado pelo grupo do (PT), homem que vem acabando com a cidade e seu povo. 
Criança ao vômito e não conseguiu atendimento médico. 
Os pais da criança fizeram uma carta no desespero e enviaram ao PC. Ficamos comovidos com a situação, uma triste realidade no dia à dia naquela unidade hospitalar:  Veja na íntegra: 

"Na manhã de ontem, segunda-feira (22) levei meu filho para ser consultado no Heda, ele estava com vômitos e diarreia muito forte, quando chegamos ao hospital encontramos muitos pacientes à espera de atendimento, um grande número de pais e mães com crianças, na mesma situação que meu filho. Até que isso não é novidade, quando fui fazer a ficha a 'moça(terceirizada)' disse que só faria a ficha médica se um enfermeiro autorizasse mediante sua consulta. isso é um desrespeito com todos que precisam daquele hospital. O fato é que os enfermeiros estão de greve, e impossível que eles atendam o grande número de pacientes. Pois bem, quando o enfermeiro que fica no acolhimento avisa para minha esposa, que o médico (Júlio César) não iria atender ninguém que estava presente ali esperando aquele  atendimento desumano, só atenderia caso de vida ou morte. Cansado e indignado com aquela situação levei meu filho embora, na saída meu filho teve uma crise de vômito e diarreia em frente a entrada principal, e pra 'eles' isso é normal não é urgência. Gente denunciem porque só assim temos vez, a direção, fica a dica, vocês trabalham com gente, seres humanos".


CASO DE POLICIA
Em casos do tipo, a família deve procurar uma delegacia de policia e fazer o registro da ocorrência, para posteriormente responsabilizar o estado pelo dano causado a outrem. 

Nenhum comentário :